15 de março de 2018

REVIEW: 3ª FEIRA NACIONAL CURITIBA VINIL - 10/03/2018

A terceira edição da Feira Nacional Curitiba Vinil foi a primeira grande feira de discos e afins realizada em Curitiba no ano de 2018. Ela ocorreu no último sábado (10) e mais uma vez ofereceu uma excelente opção de cultura e entretenimento aos curitibanos (roqueiros ou não).


Para esta feira eu caprichei ainda mais no material. Além dos discos de Rock que sempre levo, fiz uma caixa com muitos LPs bacanas a R$ 10,00 e R$ 20,00, compactos a R$ 5,00 e CDs/DVDs a partir de R$ 10,00, além de descontos nos demais itens. Mais uma vez dividi mesa com o grande Discotecário Bob, em nossa já tradicional parceria.

Cheguei lá pelas 08h30 ansioso por um bom dia de feira. Mal carregava minhas caixas para dentro d'A Travessa (local da feira) e meu amigo Benedito já me trazia o primeiro cliente: Edenil procurava material do NAZARETH e LPs de Glam Rock. Se deu bem.

Logo saí pra dar aquele bom dia pros amigos de mesa. Benedito, Ivo e Rey (Discos Raros), Nei Almeida, Nelson, Bob, Danilo (Mafer Records), André (Zombilly Discos). Werkley (Sebo Espaço Alternativo) e o organizador Ronald (Confraria Discos), dentre outros. Também foi muito bacana conhecer novos expositores: Benedito, de Aparecida-SP (xará de meu amigo) e Dennys (meu xará) e esposa. Pessoas fantásticas.

Em minhas caixas, muitos preços baixos. Quem não foi, perdeu.
Na sequência, um bom movimento e MUITO bom papo. Pensem num cara que gosta de falar... agora multipliquem... esse era eu na feira (risos). Dentre os que passaram pela minha mesa lembro do Alexandre (super colecionador de AC/DC), do Francisco (um dos maiores colecionadores de Boogie Rock do planeta), do roqueiro gente fina que levou LPs e fitas K7, do grande DJ Jeison Sales e amigos, além de meus super amigos e vendedores de discos Edson e Gustavo Garcia. 

O material que rolou na feira foi excepcional. MUITA coisa boa. Os preços estavam realmente bons se comparados a feiras anteriores e material da internet. Além de LPs, Maxi-Singles e Compactos, foram ofertados centenas de raridades em CDs (uma virtude desta feira, que não impede a venda das bolachinhas digitais) DVDs, camisetas, decoração e afins. Ainda teve uma animada discotecagem, exposição de fotos e até chopp de brinde para vários clientes. Ótima sacada dos organizadores!

As minhas promoções, felizmente, surtiram efeito. Fiz uma boa feira (graças a Deus). E os rolos não ficaram de fora: troquei material com o Mestre Danilo, uma baita troca com o Benedito "de Aparecida" e consegui um HUMBLE PIE num rolo com o expositor vizinho.

Meu xará Dennys e sua espetacular coleção de CDs a venda. Só raridades.
Ouso dizer que esta foi a melhor edição desta feira. Mesmo com oscilação do público no decorrer do dia, as pessoas estavam satisfeitas com preços e materiais disponíveis. Pelo menos foi o que me disseram...

Aguardemos a próxima edição! Um abração a todos!


Nenhum comentário: